08 coisas para fazer se você não tiver um emprego após a formatura

20:34

girl boss, girl power, crescimento pessoal e carreira

Primeiramente devo parabenizá-la por chegar até aqui, sabemos que não é fácil terminar uma faculdade (as vezes a parte mais difícil é ir à faculdade hehe), então batemos palma para a mulher que você está se tornando. Parabéns por sua conquista. Você merece o mundo.

Você provavelmente já está percebendo que a única coisa mais difícil do que escolher uma faculdade é se formar e conseguir um emprego que pode ou não ser relevante para você.  A pressão para conseguir uma vaga imediatamente e a realidade de sua procura de emprego pode ser difícil e a falta de respostas pode ser frustrante. 

Para impedir que isso quebre seu espírito e desencoraje seus esforços, aqui estão 08 coisas a fazer se você não tiver um emprego depois da formatura.

Amplie sua busca

Com certeza você deve ter um emprego dos sonhos na sua cabeça e isso é totalmente normal e uma coisa boa, isso significa que você sabe aonde quer chegar e está batalhando pra isso. Porém às vezes, outros empregos tão legais quanto podem estar a sua espera e podem te levar para lugares nunca imaginados, ou podem te dar uma forcinha $$ para que você alcance seu sonho.

Não estou dizendo a você para se contentar com um trabalho que você não gosta, mas para estar aberto para aqueles que não podem se encaixar completamente no que você considera seu sonho. 

Às vezes, as coisas inesperadas que nos acontecem tornam-se pontos de virada em nossas vidas, e aceitar um emprego que você não imaginou originalmente poderia ser desses pontos de virada.


 Mantenha um cronograma

Procurar um emprego às vezes é uma tarefa bem difícil, mas que precisa ser feita. Criar um cronograma que reserve algumas horas do seu dia para distribuição e cadastros de currículos podem te ajudar a encontrar um emprego mais rápido. Assim você estará otimizando seu tempo e aumentando suas chances ao levar isso a sério.
Crie planos para suas finanças
O dinheiro é algo muito importante para qualquer trabalho e, provavelmente uma das principais razões pelas quais você está procurando tanto por um. Claro que você quer um emprego que te realize e te faça feliz, mas você também precisa de um emprego que pague suas contas.
Neste período que você não tem emprego, tente organizar suas finanças e faça um orçamento que funcione para você durante esse período. Reduza o máximo possível suas contas (tanto fixas quanto variáveis) e compras, não deixe juros rolar, procure não usar o cartão de crédito (foge que é cilada Bino) e aproveite os descontos por pagar contas antecipadamente. Priorize seus gastos até ajustar suas metas de economia. Não gaste além do que pode, procure economizar. Dessa forma você não vai se sentir angustiada ou pressionada por quase não ter dinheiro. Você ficará com certeza mais tranquila e terá mais controle da sua situação atual.
Entre em contatos com pessoas da sua área
Conectar-se com pessoas relacionadas ao seu campo de interesse pode ser exatamente o que você precisa para descobrir oportunidades incríveis de trabalho.
Marque encontro com pessoas que tem o mesmo mindset que o seu, mande um e-mail para aquele professor que você era próximo, agende um café com um amigo que tem os mesmos interesses que você. Quem sabe, você pode descobrir uma oportunidade que não estava na lista de empregos e de quebra você pode expandir e solidificar sua rede de contatos e relações ao longo do seu caminho.

Desenvolva suas habilidades de aprenda coisas novas
Talvez você possa sentir que nesse momento sua vida está paralisada e a de todo mundo andando, ou que todo mundo está mil vezes à sua frente e sabe mais que você. Primeiramente tenho que dizer que você deve parar com isso agora mesmo. Você é inteligente, você é capaz e sua vontade de estudar e adquirir novos acontecimentos nunca deve morrer, e se morreu, ressuscite ela. 

Embora você possa não ter um emprego (ainda), você ainda pode investir em recursos que a tornarão uma profissional completa. A melhor maneira de se manter atualizada no campo em que você quer trabalhar é produzir habilidades de trabalho.
Invista em cursos dentro de sua área, pós-graduação, quem sabe um mestrado. Invista em curso de idioma, de escrita, de caligrafia ou qualquer outra coisa, mesmo que não tenha a ver com o que você se formou. Ás vezes encontramos uma forma de fazer conexão com o que aprendemos e nossa carreira, e isso pode ser inovador.
Atualize e personalize seu curriculum
Um curriculum bem feito e com o máximo de descrições sobre suas habilidades podem ser um grande diferencial e te colocar em destaque, então mantenha-o sempre organizado e atualizado.
Personalize seu curriculum de acordo com a empresa que você está interessada. Procure saber o perfil do local e o que você pode oferecer. Faça ajustes no seu curriculum especificamente para essa empresa compartilhando informações profissionais que você julgar necessária. Isso pode te destacar entre outras candidatas.

Ah e outra ferramente bem legal é o Linkedin. É tipo um Facebook, mas só que profissional. Lá você faz um networking virtual com várias pessoas interessadas em trocas de informações profissionais. Sem contar que eles tem um banco de oportunidades disponível oferecidas pelas contas de usuários ali cadastrados. Vale muito a pena se cadastrar.
Mantenha-se positivo
Nossos pensamentos tem um poder enorme em determinar nosso caminho. Quanto mais positivos e persistentes somos, mais fácil conseguiremos chegar ao nosso objetivo.
Apesar do estresse de procurar empregos por aí, ficar na expectativa de ser chamada para uma entrevista e as possíveis rejeições, você deve continuar tentando, pois é isso que vai fazer a diferença.
Embora buscar um emprego pode ser algo difícil, tenha orgulho do fato de você continuar buscando seu lugar ao sol e de se tornar uma profissional de sucesso. Ao continuar com sua procura, lembre-se de acreditar no que você tem a oferecer e no seu potencial, acredite em você.


Empreenda

Você tem algum sonho na gaveta? um hobby? um talento? um projeto? Que tal colocar isso em prática e tornar isso algo lucrativo? Muitas das grandes empresas que conhecemos surgiram de pequenos projetos ou de pequenas iniciativas que explodiram e se tornaram grandes impérios.

Dê uma olhadinha nos seus projetos, ideias e hobbys, talvez você possa se surpreender.



Outras belezinhas

0 comentários